Ergonomia: benefícios para a saúde do trabalhador

ergonomia capa

As queixas de dor no corpo são muito comuns entre os brasileiros. Esse desconforto geralmente é ocasionado por uma série de fatores ligados à postura para executar tarefas do dia a dia, como dirigir, dormir ou usar o computador.

 

 

Para lidar com esse assunto, a ergonomia visa melhorar as condições de vida do ser humano, principalmente em relação aos equipamentos usados cotidianamente e que estão em contato direto com o corpo. A ergonomia também é um método de prevenção  de possíveis acidentes.

 

 

Em um produto ergonômico, o ponto principal deve ser a ligação com o ser humano e suas características. Isso significa que deve ser considerado o fato de que cada pessoa demanda um produto específico, que varia conforme a sua estrutura corporal, características particulares e claro, sua necessidade.

 

 

Por isso, o ambiente de trabalho deve ser composto com itens que atendem as necessidades de cada indivíduo, oferecendo a eles as condições fundamentais para seu bem estar. Isso também implica que as adaptações feitas no ambiente de trabalho vão além de cadeiras ergonômicas e abrangem todos os objetos que ligam o homem ao seu trabalho, como tamanho da mesa e posição do monitor, CPU e impressora.

 

 

A postura correta para executar uma tarefa em um computador, por exemplo, é um dos pontos mais importantes da ergonomia. O modo como a pessoa se senta, apoia as costas na cadeira, posiciona a cabeça e outras partes do corpo são questões fundamentais para as funções ortopédicas e para a manutenção da saúde. Alguns outros fatores como iluminação, temperatura e barulho também são determinantes para o bem-estar em ambientes e trabalho.

 

 

Entre os benefícios da ergonomia está a redução de doenças ocupacionais, do cansaço excessivo e do desconforto no ambiente de trabalho. Além disso, é comprovado que funcionários que trabalham em um local adequado têm um aumento de produtividade com as responsabilidades laborais, aumentando também a rentabilidade do trabalho.

Essa constatação tem levado muitas empresas a apostar nos itens ergonômicos e disseminando essa ideia para além do horário de trabalho. Isso porque bens resultados só podem ser percebidos quando os hábitos certos são praticados em escolas, meios de transporte e no próprio lar, já que as tarefas diárias também devem ser executadas de forma correta para prevenir problemas na saúde da pessoa.

Continuar Lendo

Recomendados para você

Comentários

Newsletter
Carregando...